Tiago Monteiro será um mero espetador na etapa vila-realense da Taça do Mundo de Carros de Turismo (WTCR), uma vez que o português, que corre pela Honda, não recuperou da lesão sofrida em setembro, em Barcelona.

Assim, Tiago Monteiro não poderá repetir os feitos de 2016, em que conquistou uma corrida, e de 2017, em que subiu ao pódio por duas vezes, com um segundo e um terceiro lugares, levando os aficionados transmontanos ao rubro. “Quero muito voltar ao ativo e é frustrante não poder correr no meu país e perante um público tão espetacular como Vila Real. Mas é fulcral que toda a recuperação esteja a 100%. Estou muito perto de recuperar e há que acreditar que este tempo de espera vai permitir entrar mais forte”, referiu o piloto.

Ainda assim, o piloto portuense, de 41 anos, estará em Vila Real a acompanhar a comitiva da sua equipa na quinta etapa do campeonato do mundo.