Vila Real recebe seminário de apresentação das agendas setoriais turismo e TIC

Vila Real

Para chegar ao reino da economia social

“Para chegar ao reino da economia social” é o nome do seminário organizado pelo projeto Laces – Laboratórios de Apoio à Criação de Emprego e Empresas de Economia Social, que decorrerá no próximo dia 17 de outubro de 2019, em Vila Real. O seminário terá duas partes distintas.

De manhã, no Museu da Vila Velha, serão apresentadas duas agendas setoriais: a agenda setorial do turismo, elaborada pela UTAD; e a agenda setorial das tecnologias de informação e comunicação – TIC – da responsabilidade da Espazo Coop, Galiza. Estas duas agendas resultam de uma reflexão sobre os melhores caminhos a seguir no setor da economia social para as áreas do turismo e das tecnologias de informação e comunicação na Eurorregião da Galiza e Norte de Portugal, e fazem parte de um conjunto de oito agendas setoriais desenvolvidas no âmbito dos Laboratórios para a Identificação de Oportunidades de Negócio do projeto Laces. As agendas têm como objetivo o fomento da criação e consolidação de empresas de economia social em setores emergentes, alinhados com a Estratégia de Especialização Inteligente (RIS3) da região Norte de Portugal, Galiza e da Eurorregião. Ainda durante a manhã, serão apresentados alguns projetos – portugueses e galegos – inspirados pela premissa “há economia para além da economia convencional?”.

Na segunda parte do seminário decorrerá uma “degustação” prática de turismo: serão visitados alguns espaços da cidade de Vila Real que aliam a história, a cultura e contemporaneidade com o turismo, o desenvolvimento e a criação de negócios.

Este seminário está inserido no Laces, um projeto de cooperação transfronteiriça que visa contribuir para o desenvolvimento e consolidação da economia social na Eurorregião da Galiza e Norte de Portugal, proporcionando um salto quantitativo na sua capacidade de gerar e consolidar emprego através da execução de programas piloto para a competitividade e estímulo às empresas de economia social no espaço transfronteiriço.

O projeto Laces é cofinanciado a 75% pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) no âmbito do programa INTERREG V-A Espanha-Portugal (POCTEP) 2014-2020.

Menu