Tese de Doutoramento da UTAD vence Prémio REN 2019

Tiago Manuel Campelos Ferreira Pinto, antigo estudante da UTAD e investigador do GECAD é o autor da tese vencedora do Prémio REN para a melhor tese de Doutoramento, intitulada “Apoio à Decisão para os comportamentos estratégicos dos agentes participantes nos mercados de energia elétrica”.

A entrega do Prémio REN decorreu a 9 de dezembro, em Lisboa, durante uma cerimónia que contou com a presença, do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

A edição deste ano é a primeira a premiar teses de doutoramento que, neste caso, aborda “áreas complementares da inteligência artificial e dos sistemas de energia, através da proposta de soluções inovadoras para o apoio à decisão, de forma inteligente e adaptativa, dos agentes participantes nos mercados de energia elétrica, considerando a sua participação em múltiplas oportunidades de mercado”.

A tese, orientada pelos docentes Zita Vale, do ISEP e GECAD, e por Eduardo Solteiro Pires, da UTAD foi defendida nesta universidade em 2016, tendo obtido nota máxima.

Tiago Pinto mostrou-se “muito satisfeito” com a obtenção deste prémio, que considera ser “um incentivo e um reconhecimento” do trabalho realizado. “Este prémio é também uma prova de que nas universidades mais pequenas se faz trabalho com importância cientifica”, acrescentou referindo-se à UTAD. Além do prestígio inerente a um dos prémios“mais importantes na área da energia”, o prémio atribuído inclui o valor de 30.000€.

Todavia este não é o primeiro prémio recebido, já que em 2017, a tese de Tiago Pinto tinha sido distinguida com o Prémio da Associação Portuguesa para a Inteligência Artificial.

Partilhar:

Menu