A comissão política do PSD-Vila Real visitou no passado sábado, 16 de junho, as obras que ainda decorrem nas urbanizações da Quinta de S. Pedro e Quinta das Hortas.
Após ouvir moradores e comerciantes locais, foi novamente registado o desagrado da população perante a diminuição de lugares de estacionamento, o estreitamento das faixas de rodagem, a duração ‘interminável’ das obras de requalificação, assim como a falta de comunicação sobre as diversas fases das mesmas.
Vasco Amorim, presidente do PSD-Vila Real, afirmou que “à semelhança do que temos vindo a verificar em muitas situações, o executivo socialista é rápido a fazer anúncios sobre as obras no nosso concelho, mas depois não faz o devido acompanhamento quando as mesmas estão em execução”.
Referiu ainda serem “lamentáveis os transtornos provocados aos moradores, e os prejuízos aos comerciantes, nas urbanizações da Quinta de S. Pedro e Quinta das Hortas”, acrescentando que “depois dos anúncios de 2016 e janeiro de 2017, iniciaram os prometidos 4 meses dos trabalhos na última semana de setembro – por coincidência, ou talvez não, nos últimos dias de campanha eleitoral – e passados 10 meses os vila-realenses ainda não sabem a data de conclusão”.
O PSD volta a renovar o alerta ao executivo da Câmara Municipal de Vila Real – que já tinha feito aquando da apreciação dos projetos – para as consequências negativas deste tipo de obras e exige maior atenção para as necessidades dos vila-realenses.