Obras na Avenida Carvalho Araújo já arrancaram

Arrancaram, esta segunda-feira, as obras na Avenida Carvalho Araújo e ruas envolventes. Intervenções previstas no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) que consiste num investimento global de 17,2 milhões de euros, dos quais 75% têm por base fundos comunitários, e que prevê estar terminado em 2022.

Na intervenção da Avenida, serão investidos cerca de 1,9 milhões de euros, para a “devolver” aos peões, isto é, o tráfego, nos dois sentidos, será concentrado do lado esquerdo, para poder criar uma praça do lado direito (em frente aos Correios) para fruição da população. Praça na qual haverá espaços verdes, bancos e um espaço mais adaptado para peões e pessoas com mobilidade reduzida. 

A fonte que atualmente se encontra em frente ao Tribunal será deslocada para perto da Sé e a estatua de Carvalho Araújo manter-se-á no mesmo sítio.

Todos estes trabalhos de requalificação condicionarão o trânsito e o estacionamento e, por essa razão, a Câmara Municipal de Vila Real apela aos peões e automobilistas a “dar especial atenção à sinalização rodoviária temporária e a circularem com especial prudência enquanto durarem as obras”.

 Nesta fase inicial, o troço descendente da avenida Carvalho Araújo, compreendido entre os Correios e a Sé, e os troços iniciais da Rua Irmã Virtudes e da Rua da Misericórdia serão encerrados ao trânsito, condicionando a circulação automóvel naqueles troços de via. 

Apesar deste encerramento, o Município apresentou um desvio pela Rua António Valente da Fonseca e alternativas para os moradores. 

CR

Partilhar:

Menu