Em Mondim de Basto, decorreu, no passado dia 6 de outubro de 2018, o seminário “Despovoamento e Desenvolvimento” que teve como principal objetivo o debate de estratégias e medidas para o desenvolvimento em espaços de baixa densidade e relativa interioridade, em processo de perda populacional.

Vários especialistas e autarcas, apontam a falta de cooperação entre os municípios do interior norte do país como um dos principais fatores que inibem o desenvolvimento destas zonas. É importante a partilha de recursos de todos os decisores do poder, quer a nível local, quer a nível central.

O Presidente da Câmara Municipal de Mondim de Basto, Humberto Cerqueira, salientou a importância da adequação das estratégias para as pessoas, referindo que “os municípios têm a obrigação de assentar as suas políticas a pensar no bem-estar dos habitantes, apostando na cultura, na mobilidade, no apoio social aos idosos como sendo um dos fatores mais importantes, dado que a população idosa está a aumentar; apostar também nos cuidados primários de saúde e nas novas tecnologias, como forma de combate ao isolamento.

Oitenta por cento do território português apresenta um despovoamento acentuado.

O Norte do país está em perda populacional desde 2007. Entre 2006 e 2016, a região Norte perdeu 138.000 habitantes. O Distrito de Vila Real está com perda de população desde a década de 50 e há municípios que em 60 anos perderam dois terços da população.

Na Região de Basto (Cabeceiras de Basto, Celorico de Basto, Mondim de Basto e Ribeira de Pena), todos os concelhos, sem exceção, têm acompanhado a tendência de descida populacional.

Um tema que apela à reflexão e à ação, que reuniu autarcas, deputados e decisores políticos. Foram intervenientes neste seminário: Luís Ramos – Deputado da Assembleia da República; Artur Nunes – Presidente da CM de Miranda do Douro e CIM Terras de Trás-os-Montes; João Paulo Catarino – Coordenador da Unidade de Missão para a Valorização do Interior; José Alberto Rio Fernandes – Associação Portuguesa de Geógrafos; Teresa Sá Marques – Coordenadora Científica do Programa Nacional da Política de Ordenamento do Território (PNPOT); Pedro Bacelar de Vasconcelos – Deputado na Assembleia da República; Fernando Freire de Sousa – Presidente da CCDR do Norte; Humberto Cerqueira – Presidente da Câmara Municipal de Mondim de Basto; João Paulo Gouveia – Porta-voz do PSD para a Agricultura, Florestas, Alimentação e Desenvolvimento Rural

Deixe o seu Comentário

Comentário