Eco-orquestra é mote nas celebrações do Dia Mundial da Música na UTAD

No dia 1 de outubro a Academia vai ser surpreendida com diferentes atividades no campus. Com o lema “Do lixo se faz música”, a UTAD assinala esta efeméride com diferentes atividades com o envolvimento estudantes, docentes e trabalhadores numa eco-orquestra, com instrumentos musicais resultantes do aproveitamento de diferentes materiais, usados nas duas oficinas de ensaio realizadas durante o dia, e que resultará numa performance final. Este dia integra ainda uma sessão de cinema dedicada à música.

A iniciativa é coordenada pelo Grupo de Missão para a Cultura da UTAD, pelo formador  Paulo Coelho de Castro, tem o apoio do Santander Universidades e é aberta à Academia e à Comunidade em geral.

Partilhar:

Menu