XXI Campeonato Nacional Sub 18 Masculinos
Guifões 74-69 Diogo Cão

Decorreu no passado fim-de-semana a quarta jornada, do XXI campeonato nacional sub 18 masculinos onde mais uma vez a Diogo Cão representa a cidade de Vila Real na maior prova nacional. Com mais uma saída, desta vez a cidade do Porto para defrontar o Guifões, os verdes e brancos saíram derrotados por culpa própria.

Num jogo em que a equipa da Diogo Cão encontrou mal, cometendo diversos erros ofensivos, permitiu a equipa da casa entrar com tudo e ganhar uma vantagem considerável, fruto da excelente percentagem de tiro exterior. Com o decorrer da primeira parte, os erros mantiveram-se e apesar da excelente defesa, onde os vilarealenses recuperavam enumeras bolas acabavam por entregar a bola ao adversário sem lançar ao cesto pelas más opções de passe na saída para o ataque.

Com o resultado a marcar ao intervalo 41-30, os verdes e brancos tinham de entrar de outra forma no encontro. Com um maior acerto ofensivo e com uma excelente defesa obrigando o adversário a errar, entraram com tudo na segunda parte e passaram para a frente do marcador por 3 pontos.

No derradeiro período do jogo, os nossos jovens tiveram várias oportunidades para fugir no resultado mas não conseguiram ofensivamente concretizar o grande trabalho defensivo que estavam a ter.

Já diz o ditado que “Quem não marca sofre” e assim foi. A equipa da casa voltou a acertar no lançamento exterior conseguindo passar para a frente do encontro e levar de vencida a equipa vilarealense.

Derrota amarga, em que os jovens da Diogo Cão só se podem lamentar de si mesmo e dos enúmeros turnovers feitos ao longo do jogo. Próximo jogo é já sábado (3 de Março) pelas 21.00 no Pav. Diogo Cão contra o poderoso FC PORTO, um jogo que se prevê difícil mas equilibrado.

Resultados Parciais: 19 – 12; 22 – 18; 14 – 27; 14 – 12
ADCE Diogo Cão – Ivo Pinto, Artur Freitas, Afonso Bessa, Diogo Monteiro(8pts.), Eduardo Bastos(25pts.), Guilherme Vilela(10pts.), Diogo Moreira(5pts.), Miguel Matos, Tiago Pereira(8pts.), Gonçalo Borges, Francisco Dias(10pts.) e Gonçalo Rodrigues.
Treinadores: Francisco Carvalho e José Vilela