Casa de Mateus reabre com novos programas de visitas


A Fundação da Casa de Mateus, após dois meses de encerramento, reabriu portas. Mesmo se, inicialmente, só estavam abertos os jardins, no passado dia 18 de maio, as regras de contingência permitiram a reabertura dos museus e a Fundação apresentou todo um leque de programas  especialmente dedicados à comunidade local.

“Desenvolvemos programas novos com o objetivo de poder chegar a um público mais alargado, com um leque de interesses muito alargado e, também, com disponibilidades financeiras diferenciadas”, explicou Teresa Albuquerque, diretora da Fundação da Casa de Mateus.

Parte dos programas destinam-se a pessoas que possam regressar várias vezes a Mateus, ou seja, ao público local, regional e/ou nacional, que poderão comprar séries de bilhetes e percorrer os vários pontos de interesse da casa a partir de temas específicos. Um outro programa é dirigido a famílias que poderão, sob reserva, passear pelos jardins, fazer lanches no parque da Casa de Mateus que tem 20 hectares, e que permitem um espaçamento entre os visitantes, garantindo segurança para os encontros familiares. Para além disso, a Fundação Casa de Mateus disponibiliza um cartão novo, Amigos da Casa de Mateus, que inclui as atividades culturais.

Segundo Teresa Albuquerque, nos últimos anos, a pressão turística dos estrangeiros tem sido muito forte, o que exigia uma grande disponibilidade por parte parte da Fundação e levou, em parte, ao esquecimento dos programas destinados ao público nacional. “Neste momento, estamos a trabalhar para os locais e penso que, tendo em conta que somos um monumento nacional e que temos uma missão de serviço público, é realmente muito importante que possamos partilhá-lo com os portugueses”, salientou a diretora, convidando o público em geral para visitar a Casa de Mateus, com uma tranquilidade que se tinha perdido devido ao turismo de massas. “Podem aceder aos programas no nosso site, mas o melhor é virem cá, poderem testá-los e dizerem o que pensam para a Fundação da Casa de Mateus se adaptar às diferentes curiosidades dos seus visitantes”, concluiu Teresa Albuquerque.

Até ao final do mês de Maio, para assinalar esta reabertura, os bilhetes de entrada terão uma redução de 50% para cidadãos nacionais.

Partilhar:

Menu