O Bloco de Esquerda (BE) de Vila Real insurgiu-se contra o encerramento da Estação dos CTT da Araucária, em Vila Real, na passada sexta-feira. O partido referiu que, apesar dos anúncios de encerramento, “os vila-realenses mantinham alguma esperança que a estação dos CTT da Araucária se mantivesse aberta, cumprindo a vocação de serviço público que durante centenas de anos foi a matriz dos CTT”.

“Mas, as promessas, tal como as soluções alternativas, caíram por terra, e a Administração numa posição de veemente intransigência acabou com um serviço que, na zona da Araucária, servia centenas de pessoas diariamente, na sua maioria idosos, que terão assim dificuldades significativas em serem atendidas. A loja da Araucária foi uma loja claramente lucrativa, com grande volume de público, que servia uma zona em expansão da cidade”, informou o Bloco, através de comunicado.

No entanto, os esquerdistas garantem que, em todos os pontos do país e em particular nos locais onde a administração da empresa pretende encerrar balcões, “o BE continuará a sua luta pelo retrocesso destas decisões, muito lesivas para as populações, reclamando com mais veemência a necessidade dos CTT voltarem a ser uma empresa do Estado”.

Deixe o seu Comentário

Comentário