O Coordenador Municipal de Proteção Civil apresentou o Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios de Vila Pouca de Aguiar com execução para 2018.

Duarte Marques efetuou um ponto de situação relativamente à execução do PMDFCI prevista para 2018, onde foi sublinhado o bom ritmo de execução das várias limpezas que se encontram a decorrer nas diversas freguesias do concelho, com o envolvimento ativo das várias entidades responsáveis.

O especialista no setor florestal deu vários contributos relativos à organização do dispositivo (meios e recursos) na prevenção e intervenção florestal; foi salientada a importância dos três postos de vigia (Minhéu, Cabreiro e Cevivas).

A nível de território, foi mencionado, na reunião de Câmara de 12 de abril, que onde há mais ignições é na freguesia de Telões e a freguesia de Pensalvos/Parada de Monteiros é a que tem tido mais área ardida acumulada.