“Vidago Palace”: Série romântica inaugura parceria da RTP e TV Galiza

3956

“Vidago Palace” é a primeira coprodução de ficção entre Rádio e Televisão de Portugal (RTP) e a Corporación Radio e Televisión de Galicia (CRTVG) cujo protocolo foi assinado, ontem no Porto, entre as duas televisões públicas ibéricas.

“É uma série de ficção passada em [agosto de] 1936 no Vidago Palace. É uma história que tem como pano de fundo os hóspedes do hotel e que vai fazer uma panorâmica do que estava a acontecer naquele mês, porque isto é passado entre dia 1 e 15 de agosto de 1936, e portanto é contemporâneo com os Jogos Olímpicos de Berlim, com a Guerra Civil espanhola e com a inauguração do campo de golfe de Vidago”, explicou aos jornalistas Henrique Oliveira, realizador e coprodutor da Vidago Palace.

As filmagens da série vão arrancar em outubro e novembro deste ano e as previsões é que a rodagem termine em janeiro ou fevereiro de 2017.

Vidago Palace é também uma história de amor impossível entre Carlota e Pedro, a filha dos condes de Vimieiro e um rececionista daquele hotel, que estão dispostos a todo o tipo de obstáculos para concretizar o seu amor, designadamente “aos desejos e interesses das suas famílias, às conveniências sociais, à cruel polícia da fronteira e até mesmo, uma guerra”.

O idioma da série tem como base o português, mas também vai haver muito galego, até porque uma parte da história passa-se na Guerra Civil de Espanha e, por isso, vai haver atores galegos a falarem galego, adiantou o realizador, referindo que o elenco já está praticamente definido e que vai “ter novos talentos”.

 

Deixe o seu Comentário

Comentário