Viaturas elétricas passam a integrar a frota da Águas do Norte

197

A Águas do Norte (com sede em Vila Real) irá dispor de 20 viaturas 100% elétricas, que irão integrar de imediato a sua frota automóvel operacional, sendo esta aquisição efetuada através de um projeto apoiado pelo Fundo Ambiental ao abrigo da Estratégia Nacional para a Mobilidade Elétrica, que inclui ainda a instalação de 26 postos de carregamento próprios na área de concessão da empresa.

A cerimónia de entrega das viaturas elétricas, que decorreu na passada quarta-feira, 3 de janeiro, foi presidida pelo Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, e contou com a presença do Secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, José Mendes, do Secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins, do Presidente do Grupo AdP – Águas de Portugal, João Nuno Mendes e do Presidente do Conselho de Administração da Águas do Norte, Eduardo Andrade Gomes, que recebeu simbolicamente as chaves das novas viaturas.

Esta é uma das medidas previstas no PEPE – Plano de Eficiência de Energia Elétrica 2020 do Grupo AdP, apresentado publicamente em maio passado, e um dos primeiros projetos apoiados pelo Fundo Ambiental ao abrigo da Estratégia Nacional para a Mobilidade Elétrica.

As viaturas agora adquiridas irão substituir viaturas operacionais com mais de 8 anos de idade média e com maior quilometragem, que produzem mais emissões de gases com efeito de estufa e têm maiores consumos de combustível, cujos percursos operacionais diários são exequíveis considerando os constrangimentos de autonomia dos veículos elétricos. Com a sua introdução, a Águas do Norte prevê a médio prazo uma redução substancial das respetivas emissões de GEE (em especial CO2) e do consumo de combustíveis.

Esta estratégia de introdução da mobilidade elétrica, no qual a Águas do Norte participa, prevê ainda medidas complementares com o projeto piloto de aplicação do modelo de certificação energética de frotas a veículos da sua frota de serviço, a formação de colaboradores em ecocondução e a georreferenciação da frota operacional.

A Águas do Norte iniciou a atividade a 30 de junho de 2015 e, enquanto entidade gestora do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal, em “alta”, é responsável pela captação, tratamento e abastecimento de água para consumo público e pela recolha, tratamento e rejeição de efluentes domésticos, urbanos e industriais e de efluentes provenientes de fossas séticas.

Assume ainda a exploração e gestão do sistema de águas da região do Noroeste, reunindo numa única entidade gestora, os serviços de abastecimento de água e de saneamento de águas residuais em “alta” (prestados aos Municípios) e em “baixa” (prestados aos utilizadores finais, os munícipes), de forma regular, contínua e eficiente.

 

Deixe o seu Comentário

Comentário