Saneamento em Nogueira e outros lugares do concelho

2600

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cerca de três milhões de euros será o custo do alargamento da rede de saneamento do concelho de Vila Real, o que aumentará a cobertura nesta área para cerca de 74%, mesmo assim abaixo da média nacional que ronda os 80%.

Este alargamento vai ocorrer na freguesia de Nogueira, em Tanha e Alfolões, em Vilarinho do Tanha da freguesia de Abaças e em Carvas e Vale Nogueiras desta freguesia.

O anúncio foi feito em Nogueira, no dia 7 de Julho, durante a assinatura do auto de consignação da obra, perante os responsáveis da EMAR, Eng Manuel Moras, da Câmara, presidente Rui Santos e vereador do pelouro, Carlos Silva e ainda do empreiteiro da obra, José Manuel Carreira.

Numerosas pessoas assistiram ao acto como que para comprovarem que agora as obras são mesmo para avançar. Na cerimónia foi, aliás, lembrado o episódio caricato de em tempos terem sido colocadas máquinas, em véspera de realização de um acto eleitoral, a anunciar que iriam ser iniciadas as obras de saneamento, contudo, no dia seguinte às eleições as máquinas foram retiradas e nunca mis se falou em tal assunto.

Serão construídos 17 quilómetros de rede, que não abrangerá ainda todos os lugares de Nogueira, facto que foi contestado pro alguns moradores. O presidente da Câmara e o responsável da EMAR deram as explicações, para que a rede não cubra ainda toda a freguesia de Nogueira, designadamente pela necessidade de ser obtida autorização da empresa concessionária da autoestrada para atravessar esta via com o colector de esgoto.

O actual presidente da junta de Nogueira e Ermida, manifestou a sua alegria por se realizar esta obra, mas lembrou a tristeza que sentia por não estar presente o anterior autarca da freguesia que faleceu recentemente.~

Já o presidente da Câmara referiu que finalmente Nogueira terá o saneamento há muito desejado, e necessário, pois esta freguesia está implantada numa zona de xisto onde os esgotos dificilmente desaparecem no solo. “Foi uma escolha que tivemos de fazer agora, outros antes fizeram outras escolhas, por haver condições de financiamento, pois a obra será apoiada em fundos comunitários na percentagem de 65%.”

O autarca aproveitou para anunciar que a próxima obra será realizada na zona da Campeã, se obtiver igualmente apoios comunitários.

Foi pedida paciência os moradores pro causa dos incómodos que estas obras sempre causam no dia a dia das pessoas. O empreiteiro comprometeu-se a trabalhar no sentido de causar o mínimo de transtornos à vida dos moradores, apesar dos constrangimentos que estas obras acarretam e das ruas estreitas de Nogueira.

Deixe o seu Comentário

Comentário