Orlando Lourenço agraciado com Medalha Cruz de São Jorge

1265

O Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas, General Artur Pina Monteiro, agraciou Orlando Lourenço, atual proprietário e administrador das Caves da Raposeira e Murganheira, com a Medalha Cruz de São Jorge – Primeira Classe, durante uma cerimónia realizada em Lisboa, na última quarta-feira, 20 de julho. Associaram-se a esta homenagem pública, Francisco Lopes e José Pinto, Presidente e Vice-Presidente da Câmara Municipal de Lamego, que assistiram ao ato oficial.

O continuado apoio prestado às Forças Armadas Portuguesas em vários eventos”, nomeadamente à Cerimónia Militar do 10 de junho de 2015, em Lamego, à visita do Chefe do Estado-Maior das Forças Armadas do Reino de Espanha às Forças Armadas, à reunião de Chefes de Estado-Maior das Forças Armadas da CPLP e à visita anual dos adidos militares foi o mérito evocado para justificar a outorga desta condecoração que visa galardoar “militares e civis, nacionais ou estrangeiros, que, no âmbito técnico-profissional, revelem elevada competência, extraordinário desempenho e relevantes qualidades pessoais, contribuindo significativamente para a eficiência, prestígio e cumprimento da missão do Estado-Maior-General das Forças Armadas.
Na hora de receber a Medalha Cruz de São Jorge, Orlando Lourenço recordou o trajeto profissional iniciado em 1980, ano em que constitui uma sociedade com amigos para adquirir e desenvolver as Caves da Murganheira, empresa líder do setor dos espumantes em Portugal.

Deixe o seu Comentário

Comentário