Lia Melo premiada pela sexta vez em concursos internacionais de música

1315

Meia dúzia, este é o número de vezes que, em menos de um ano, a vila-realense Lia Rafaela de Marcos e Melo foi laureada internacionalmente. Após triunfar em Espanha (Vigo), ficar em segundo no Reino Unido (Londres) e vencer nos Estados Unidos (Nova York), e na Grécia (Atenas), seguiram-se boas prestações na Alemanha e na Áustria coroadas com mais dois primeiros prémios. A Alemanha rendeu-se à mestria desta jovem vila-realense outorgando-lhe mais um 1º Prémio (1st Prize – Category Intermediate) no Rising Stars Grand Prix – International Music Competition – Berlin 2017, sendo a primeira, e única, portuguesa a conseguir este feito, seguindo-se mais outro primeiro prémio no International Music Competition “Salzburgo” – Grand Prize Virtuoso 2017.

Novamente, esta pupila da professora Alice Neves, impôs-se num concurso internacional, de grande dimensão, em que participaram várias centenas de músicos magníficos, dos mais variados instrumentos, oriundos do norte da europa (Dinamarca, Finlândia e Suécia), da europa do sul (Chipre, Espanha, Grécia, Itália e Portugal), da europa central, berço da música erudita (Alemanha, Áustria, Bélgica, França, Reino Unido e Suíça), do fortíssimo antigo bloco soviético (Rússia, Arménia, Bulgária, Cazaquistão, Croácia, Eslovénia, Eslováquia, Estónia, Geórgia, Hungria, Letónia, Polónia, Roménia e Sérvia), de Israel, da Austrália, da América (Costa Rica, Perú, Canadá e Estados Unidos da América) e da Ásia (China, Coreia do Sul, Filipinas, Hong Kong, Indonésia, Japão, Malásia, Singapura, Tailândia, Taiwan e Vietname).

Mas o seu périplo iniciou-se na cidade invicta onde conquistou o primeiro lugar na 2ª Edição do Prémio Ilda Moura (Escalão E); depois, em terras helénicas, foi galardoada com o primeiro prémio (1st Prize – Category D) , no “Emuse” International Online Competition 2017 seguindo-se o 1º prémio ex-aequo, na categoria de viola juvenil, no III Concurso Nacional de Cordas Vasco Barbosa, em Lisboa. A propósito deste último prémio, irá participar como solista, no dia 1 de Junho, no concerto dos Laureados, no Centro Cultural de Belém, com a Orquestra Camerata Atlântica, concerto esse que será transmitido pela Antena 2, e irá atuar na prestigiada “kammermusiksaal philharmonie Berlin“ no próximo dia 27 de junho no concerto de laureados do Rising Stars Grand Prix – International Music Competition – Berlin 2017. Ainda está a concorrer pelo lugar de solista na Orquestra Sinfónica Nacional Ensemble, que a acontecer, será mais um feito inédito para músicos de Vila Real.

Deixe o seu Comentário

Comentário