Burlão de idosos dizia que era agente camarário

791

O Núcleo de Investigação Criminal de Chaves deteve ontem, dia 26 de outubro, no concelho de Chaves, um homem de 45 anos por burla a idosos. No âmbito de uma investigação por vários crimes de burla no nordeste transmontano, em que o autor se fazia passar por agente camarário, angariava de forma ardilosa junto de pessoas idosas, com dificuldades físicas e condições precárias, dados identificativos de forma a realizar contratos fictícios de adesão a serviços de televisão, telefone e internet das operadoras de telecomunicação em nome dessas pessoas.

Foi realizada uma busca domiciliária à residência do suspeito, onde foram apreendidos diversos documentos relacionados com a prática de burla. O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Chaves.

Deixe o seu Comentário

Comentário