Há vinte anos a divulgar o que é tradicional

O Pavilhão Multiusos de Boticas vai receber, nos dias 12, 13 e 14 de janeiro, um dos maiores eventos gastronómicos do norte do país e da região, a Feira Gastronómica do Porco. Uma feira ímpar e única, que prima pela qualidade dos seus produtos.

Desde 1998 que a vila de Boticas é local de visita obrigatória no mês janeiro. Há 20 anos consecutivos que a agricultura local e os produtos tradicionais são valorizados e divulgados nesta mostra gastronómica, onde a carne de porco e os seus derivados são “Reis da Festa”.

O sucesso que a Feira Gastronómica do Porco tem vindo a ter ao longo dos tempos tornou-a num dos melhores e mais importantes certames de promoção e divulgação do mundo rural barrosão e de tudo aquilo que de melhor existe nesta pequena mas tão rica vila do interior norte de Portugal. A iniciativa é, à semelhança das edições anteriores, organizada pelo Município de Boticas em conjunto com a empresa intermunicipal EHATB – Empreendimentos Hidroelétricos do Alto Tâmega e Barroso.

Tal como no ano passado, a feira apresenta mais de três dezenas de stands de exposição e venda de produtos alimentares e artesanato e conta, também, com a participação de meia centena de produtores de fumeiro e enchidos.

Ao longo dos três dias da feira são esperados mais de 70 mil visitantes vindos de vários pontos do país e da vizinha Espanha.

Todos aqueles que nestes dias visitarem Boticas têm à sua disposição cerca de 40 toneladas de fumeiro de uma qualidade excecional, o que permitirá realizar um volume de negócios a rondar o meio milhão de euros.

Preservar as tradições do barroso, o que de melhor há e se faz em Boticas e valorizar a qualidade da carne de porco e dos enchidos através da apresentação de pratos tipicamente barrosões, recheados de essência e sabor, são algumas das particularidades de autenticidade da Feira do Porco.

Aos enchidos, concebidos de forma artesanal, sob um rigoroso controlo de qualidade e cumprindo, a legislação e regras em vigor, juntam-se o Presunto, o Pão Centeio, a Bola e Folar de Carne e o tão afamado “Vinho dos Mortos”.

O artesanato também continua a ser presença obrigatória neste evento dedicado à ruralidade e às suas gentes.

A Feira Gastronómica do Porco é um dos pontos mais altos da economia local, especialmente para os produtores de fumeiro tradicional que veem nesta iniciativa a oportunidade certa para mostrar e escoar os seus produtos de excelente qualidade.

Mais do que permitir aos produtores a venda dos seus artigos, que são fonte de sustento de muitas famílias, a feira permite recuperar usos ancestrais, sabores e saberes tradicionais genuínos do concelho e levar o bom nome de Boticas aos quatro cantos do mundo.

Os produtos agroalimentares produzidos no Concelho Barrosão são de uma qualidade inigualável, o que lhe atribui caraterísticas de genuinidade e atratividade ímpares.

 

Tasquinhas de Sabores Tradicionais

Todos aqueles que visitem a vila barrosã, de 12 a 14 de janeiro, podem apreciar e deliciar-se com as iguarias gastronómicas tipicamente barrosãs nas tasquinhas tradicionais presentes no recinto da feira.

Cozido à Barrosã, Rojões no pote, Arroz de chouriça, Costelas de vinho e alhos, Caldo e Feijoada à Barrosã, são algumas das especialidades apresentadas no certame. Nunca esquecendo outras iguarias de excelência como o Fumeiro (Alheira, Chouriça e Salpicão), o genuíno Presunto acompanhado da deliciosa Bola Centeia e dos saborosos vinhos regionais.

Mais uma vez, a Feira Gastronómica do Porco conta com a colaboração dos restaurantes locais para apresentarem pratos caracteristicamente barrosões, confecionados à base de carne de porco e enchidos, produtos chave que distinguem a gastronomia local. Pratos únicos onde o sabor e os aromas combinam na perfeição.

À semelhança das edições anteriores, todos os preços apresentados na feira, quer nas tasquinhas, quer nos expositores, são devidamente tabelados. Um fator diferenciador e que muito valoriza a Feira do Porco de Boticas, tornando-a num certame mais atrativo.

Este ano, no exterior da feira, mais propriamente na zona lateral do pavilhão, haverá um espaço dedicado aos petiscos, como é o caso do hambúrguer barrosão, preparado à base de carne barrosã e que fará as delícias dos visitantes, pela sua qualidade e sabor.

 

Mais animação na feira

A 20ª edição da Feira Gastronómica do Porco conta com três dias de muita animação. Para além da gastronomia e do artesanato, os visitantes poderão disfrutar de muita e boa música.

No interior do Pavilhão Multiusos a animação fica a cargo de grupos de música popular e tradicional provenientes do concelho e da região.

No exterior decorrerá a tradicional “Feira à Moda Antiga”, onde são apresentados inúmeros artefactos ligados às profissões de outrora (tanoaria, olaria, cestaria, peles, esculturas e instrumentos artesanais) e que ainda vão perdurando no tempo.

Como dita a tradição, no recinto do Campo de Futebol, mais propriamente no “chegódromo”, realizam-se as célebres “Chegas de Bois” que, anualmente, trazem até Boticas centenas de aficionados.

Pelo sexto ano consecutivo, o programa da TVI “Somos Portugal” fará a sua habitual transmissão de fim de manhã e tarde de domingo a partir do Largo de Nossa Senhora da Livração que acolhe, mais uma vez, o programa líder de audiências nacional.

A transmissão do programa é feita para todo o mundo o que dá a possibilidade de os botiquenses no estrangeiro reverem familiares e amigos e amenizarem as saudades de casa através da televisão.

Deixe o seu Comentário

Comentário