Avô que violou a neta em Vila Real vai cumprir três anos de prisão

1499

O homem que violou a própria neta, de nove anos, foi condenado a três anos de prisão pelo Tribunal de Vila Real. Os factos remontam a agosto de 2016, quando a menina estava de férias com os pais, emigrantes, em casa dos avós numa aldeia do concelho de Vila Real. A criança estava sozinha com os avós em casa quando o homem, um reformado de 64 anos, abusou dela sexualmente.

A menina contou à mãe, filha do arguido, que o denunciou às autoridades. O Tribunal considerou que “não ficaram dúvidas de que o arguido cometeu este crime”. As perícias confirmaram que a criança foi vítima de abusos sexuais, tal como os exames de ADN.

Deixe o seu Comentário

Comentário