Associação Douro Histórico: 22 milhões de euros em candidaturas em 2017

619

A Associação do Douro Histórico, ADH/Grupo de Ação Local, GAL, registou durante o ano de 2017 perto de 440 candidaturas às verbas comunitárias, no valor de cerca vinte e dois milhões de euros. Este volume de investimento resultou da receção de propostas de empresários sedeados maioritariamente no seu território de influência.

O montante refere-se a candidaturas a Pequenos Investimentos nas Explorações Agrícolas, à Transformação e Comercialização de Produtos Agrícolas, à Diversificação de Atividades na Exploração Agrícola e à Criação, Expansão e Modernização de Microempresas e Contratação de Postos de Trabalho.

A ADH considera estes números significativos sendo uma manifestação de dinamismo e de aposta no espaço rural por parte dos empreendedores, numa evidente vontade de valorização do território, com impacto positivo na atividade económica da região e na empregabilidade, incentivando ao mesmo tempo a fixação das populações combatendo assim a desertificação do interior.

Ainda com algumas candidaturas a seguirem os seus trâmites necessários, a ADH /GAL, está ciente de que os desfechos das mesmas poderão ter efeitos positivos também durante o novo ano. Nomeadamente, no desenvolvimento do empreendedorismo da região e no próprio mundo rural, este ultimo o principal destinatário das várias medidas do PDR 2020.

A Associação do Douro Histórico/GAL tem a sua sede em Sabrosa, e foi criada em 1991 tendo como finalidade promover o desenvolvimento integral e integrado das populações abrangidas nas na sua área de intervenção, especificamente nos concelhos de Alijó, Mesão Frio, Peso da Régua, Sabrosa, Santa Marta de Penaguião e Vila Real.

Deixe o seu Comentário

Comentário